segunda-feira, 30 de novembro de 2015

ESPERANÇA QUE SE NÃO VÊ!


Romanos 12: 12 . 

"Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração."


Todos têm medo de errar, de fracassar, de tomar decisões importantes ou de ser mal visto pelos outros. Só que, quem se une a Deus não age a partir do medo, avança apesar do receio que tem, porque sabe que o Senhor não lhe deixará faltar coragem para enfrentar esse medo e vencê-lo.
Se você firmar seu coração em Deus, você não vai se apavorar. Não tenha medo das coisas novas que possam acontecer, confia em Deus. Ele é a sua defesa no tropeço e seu auxilio na queda.
Mesmo nas suas deficiências e nos seus limites, Ele vai lhe defender. É o próprio Deus quem diz que se você errar, Ele estará ao seu lado, então o que você tem a temer?

A esperança, pela sua própria natureza, diz respeito ao futuro:
"Porque na esperança fomos salvos. Ora, a esperança que se vê não é esperança; pois o que alguém vê, como o espera? Mas, se esperamos o que não vemos, com paciência o aguardamos." (Romanos 8:24-25)

Porém, ela abrange muito mais do que uma simples vontade ou anseio por algo futuro.Esta esperança consiste numa certeza na alma, uma firme confiança sobre as coisas futuras, porque tais coisas decorrem da  REVELAÇÃO e das PROMESSAS DE DEUS. 

CONCLUSÃO : “Os olhos do Senhor estão voltados para aqueles que o temem; ele é um poderoso protetor, um sólido apoio, um abrigo contra o calor, uma tela contra o ardor do meio-dia, um sustentáculo contra os choques, um amparo contra a queda. Ele eleva a alma, ilumina os olhos; dá saúde, vida e bênção.”

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

O COMBUSTÍVEL DA PRESENÇA DE DEUS

Combustível da Presença de Deus. (2Sm 22.13).
Deus é fogo Dt 4.24 e Hb 12.29 nos dizem que Deus é fogo consumidor e tudo que estiver envolvido pela presença de Deus também se torna fogo. 
O fogo era um emblema da presença divina. Tratava-se da presença do Deus vivo. 
O fogo refere-se a uma manifestação visível da presença e do esplendor da glória de Deus. 
A chama de fogo era a glória da presença de Deus, a Shekinah, que transformava tudo e todos em que tocasse. Vejamos.
O Fogo da Presença de Deus:
  • Na Sarça Ardente “Apareceu-lhe o Anjo do Senhor numa chama de fogo, no meio de uma sarça; Moisés olhou, e eis que a sarça ardia no fogo e a sarça não se consumia.” (Ex 3.2).
  • Guiando o Povo Pelo Caminho – E o Senhor ia adiante deles, durante o dia, numa coluna de nuvem, para guiá-los pelo caminho; durante a noite, numa coluna de fogo, para alumiá-los, a fim de que caminhassem de dia e de noite.” (Êx 13.21). 
  • No Monte Sinai “Todo o monte Sinai fumegava, porque o Senhor descera sobre ele em fogo… e todo o monte tremia grandemente.” (Êx 19.18).
  • No Monte de Deus – “E o aspecto da glória do Senhor era como um fogo consumidor no cimo do monte, aos olhos dos filhos de Israel.” (Êx 24.17).
  • No Monte Carmelo – “Então, caiu fogo do Senhor, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e a terra, e ainda lambeu a água que estava no rego.” (1Rs 18. 38).
  • Na Dedicação do Templo “Tendo Salomão acabado de orar, desceu fogo do céu e consumiu o holocausto e os sacrifícios; e a glória do Senhor encheu a casa.” (2Crô 7.1).
  • Quando o fogo está aceso na vida do crente, ele mesmo é uma brasa acesa!
  • Quando o fogo está aceso na vida do crente, ele é uma tocha incendiando, as vidas por onde passa!
  • Quando o fogo está aceso na vida do crente, o seu rosto resplandece como de Moisés e nele o mundo vê a presença de Cristo.
  • Quando o fogo está aceso na vida do crente, ele prega a Palavra em tempo e fora de tempo.
  • Quando o fogo está aceso na vida do crente – “… Deus faz dos seus Ministros labaredas de fogo” (Hb 1.7b).
  •  Quando o fogo está aceso na vida do crente – “O fogo arderá continuamente sobre o altar, não se apagará.” (Lv 6.13).
Conclusão:   Mantenha o Fogo Aceso! Com o “Combustível da Oração, com o Combustível do Espírito Santo e com o Combustível da Presença de Deus.” 

O COMBUSTIVEL DA ORAÇÃO

Combustível da Oração.
Sem lenha o fogo se apagará;
 (Pv 26.20a).
O combustível a ser colocado no fogo é lenha da nossa oração. A oração na vida do crente, não é questão de escolha ou opção, é uma questão de necessidade e sobrevivência espiritual.
A Escritura Sagrada  diz:
– “… sobre o dever de orar sempre e nunca desfalecer.” (Lc 18.1).
– “… perseverai na oração.” (Rm 12.12b).
– “Perseverai em oração…” (Cl 4.2).
– “Orai sem cessar.” (1Tss 5.17).
Quando perseveramos em oração – “O fogo pois, sempre arderá sobre o altar; não se apagará…” (Lv 6.12ª).

Conclusão:
Hei, mantenha a chama acesa! Lembre-se: “Sem lenha, o fogo se apagará…” (Pv 26.20ª).


quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

QUANDO O BRASIL VIROU AS COSTAS PARA DEUS......

BASE BÍBLICA : 2 CRÔNICAS 33.1-25

Ezequias era um Rei temente a Deus, que procedeu a uma reforma entre os israelitas. Mas seu filho Manassés foi um governante perverso. Apesar de ele ter visto seu pai andar com Deus e viver de acordo com as escrituras, ele decidiu ignorar a Vontade do Senhor.


Manassés adorava deuses falsos, Chegou  ao ponto de sacrificar seus filhos no fogo, para exaltar a Moloque. Ele praticava muitos cultos misticos, incluindo bruxaria e feitiçaria e desviando o Povo de Israel do culto a DEUS, provocando a ira de Deus. O rei, juntamente com a nação de Israel, pagaram um alto preço por sua rebelião.


Esta história nos ensina  que o  SENHOR, não tolera o desprezo de uma Nação. Agora pense em nosso País:

.....Nós também somos uma nação que tem deixado DEUS  de lado,  o único DEUS verdadeiro,  e abraçaramos os Ídolos, que vão muito além das Tão combatidas " Imagens de Escultura."

Talvez eles não são estátuas de pedra, mas o Povo está  amando o  dinheiro,  a fama, os desejos sexuais desenfreados  e  o status social, a  ponto de humilhar  ao seu semelhante para lograr-lo," isso se vamos citar apenas alguns tipos de ídolos que estão entronizados em nossa Sociedade."


O Brasil, aprendeu os princípios  Bíblicos, e com o passar dos anos adquirimos  e  garantimos a liberdade de Culto. Mas ao longo do tempo, Pusemos como "senhores"  Os deuses  de muitos aspectos da vida Pública  e Social. 

.......Era uma vez que uma 'Nação sob DEUS!!"  nos tornamos um país que tolera um número cada vez maior dos pecados, e que despreza a verdade absoluta, com o apoio e sob a tutela de Leis estapafúrdias, criadas por políticos sem escrúpulos,  e adeptos do satanismo.


Se o nosso povo não se volta novamente  para Deus, o  julgamento é inevitável, a menos que se arrependam das suas iniquidades.

No tempo de Elias houve três anos e meio de seca, mas a chuva só veio quando eles se humilharam, consertaram o altar, se converteram à Deus e ofertaram. (1 Rs 18:23). 
Entendemos que Deus espera que o povo se converta ao Senhor, então Ele responde a oração e ENVIA CHUVA E SARA A TERRA, caso contrário, não há solução.  (2 Cr 7:14).
.........se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, buscar a minha face e se afastar dos seus maus caminhos, dos céus o ouvirei, perdoarei o seu pecado e curarei a sua terra.

                                                                                                                    Esequiel Selari


quarta-feira, 26 de novembro de 2014

LEVANTEMOS UM CLAMOR PELO BRASIL!!

.... " E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra."                          
                                                   II Cronicas 7:14



Como filhos de Deus, precisamos levantar um clamor na presença do Senhor. Graças  ao Clamor que o povo de Deus levantou no Egito,  Deus respondeu-lhes e enviou um Libertador ( Moisés), 

Manifestou o seu poder  através das  pragas e mostrou que Moisés  estava com o  DEUS do Universo.

O fato de que o  Mar Vermelho foi  separado ao meio,  para que o povo de Deus pudesse escapar da ameaça do exército do Faraó, indicava que Deus tem Poder para intervir na história de um povo que clamam a Ele, 

"Olhai  para ELE de todo vosso coração, apartai-vos de caminhos maus, humilhem-se,  porque a vossa bênção pode vir somente  do SENHOR.


Cada um de nós precisamos levantar perante o SENHOR,  diariamente em oração pela PAZ no nosso País. 


JESUS CRISTO,  é apresentado pelo Profeta |Isaías,  como; O PRINCIPE DA PAZ ,  e se deixarem  reinar no BRASIL;  a promessa messiânica é que 'Haverá  um Governo de Paz PERMANENTE!!!



Diante do que vivemos, não teremos muitas respostas se nos pusermos a Criticar e maldizer.

É hora de começar a orar por nossa nação com fé! Orar crendo que a mão do SENHOR vai se mover, que  as injustiças desaparecerão, que Deus levantará juízes de acordo com seu coração, homens e mulheres que julgarão com justo julgamento,  e  não julgarão mais de acordo com os seus olhos, mas com equidade.


É hora de acreditar que DEUS vai levantar uma bandeira de Paz e Justiça, e a mão do SENHOR vai mudar nosso desespero em ESPERANÇA. 


Convido você a orar com fé para transformar nossa nação com DEUS à frente.

                                                                                                                                     esequiel selari

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

GERADOS EM DEUS

Gálatas 3:25-26 
“Mas, depois que veio a fé, já não estamos debaixo de aio. Porque todos sois filhos de Deus pela fé em Cristo Jesus.Gálatas 3:23 ao 4:7. 

Nos versículos 23 e 24 Paulo explica qual era o

papel da lei: era um aio para o tempo antes da chegada da fé. Mais adiante nos diz o que aconteceu quando veio a fé.
Deus selou isto ao colocar o espírito de Seu filho em nossos corações para gritarmos, Abba (Paizinho), Pai! Eu já li esta passagem inúmeras vezes e sempre me traz muita alegria. Contudo, há algo nesta passagem que me intriga. 

É a palavra ”adoção” . Como sabemos uma criança adotada não está ligada a seus pais adotivos pelo nascimento. Eu creio que todos nós estaremos de acordo que, embora seja maravilhoso ser filho de Deus, é diferente quando se é filho adotivo, onde Deus não é seu pai de nascimento, e outra coisa muito diferente é ser Seu filho porque nasceste Dele


A Palavra fala daqueles que acreditam no nome do Senhor Jesus Cristo como aquele nascido de Deus. Aqui o Senhor fala sobre “nascido do alto”. Ambos são sinônimos e mostram o fato de que existe um segundo NASCIMENTO  que é necessário para que venha o Reino de Deus. 

É o nascer de Deus ou nascer do alto, ou ainda o nascer do Espírito, como também é chamado no texto de João 3 . Veja novamente que a Palavra de Deus não fala de adoção. Jesus não disse que fomos adotados por Deus, mas nascidos de Deus. 


É este nascimento que nos faz filhos de Deus e nos dá o direito de chamá-lo de paizinho (Abba). É claro que podíamos chamá-lo de Pai se fôssemos adotados, mas é óbvio que não fomos adotados e sim gerados. 

terça-feira, 11 de novembro de 2014

"A Fé que gera autoridade"

"E não duvidou da promessa de Deus por incredulidade, mas foi fortificado na Fé, dando glória a Deus,!" - Romanos 4.20

Há um nivel de Fé que podemos descrever como:  "A Fé que dá autoridade"


Esse nível de fé, está fortemente relacionado com a oração de intercessão .  É a Fé que Deus coloca à nossa disposição nos momentos de mais dura prova!


É também  o tipo de fé que compreende quando o objetivo é "seguro" e não é mais necessário nos preocuparmos, apenas  esperar em DEUS, depois de havermos orado!
Para alcançar essa confiança, Deus nos dá uma espécie de carta branca, na qual  que podemos perguntar tudo o que quisermos,  no campo da nossa vitória.


Um exemplo desse tipo de fé é Moisés.  quando ele intercedeu por Israel ( Êxodo 32,7 14). Devido o pecado de Israel,  que havia feito um bezerro de ouro para adorá-lo, Deus estava determinado  a destruir o povo e formar uma nova nação usando somente a Moisés.

Mas Moisés angustiadamente orou por seu povo e chegou ao lugar onde Deus, em certo sentido, é colocado à sua disposição para fazer tudo o que ele necessitasse pedir. 

A posição foi vencida, autoridade foi alcançada, e foi dado a Moisés a chave. Então Moisés, usando sua nova autoridade, pediu a Deus para restaurar  Israel,  em seu favor e graça, o que Deus fez por causa de Moisés.


Só homens de Confiança recebem tal autoridade, e isto é dado apenas em uma área específica. Tais pessoas são os dedos e as mãos de Deus, espalhados na terra.


 Deus nos encoraja a nos  tornarmos  crentes fortes em  confiança NELE,  e a crescer tão forte na disciplina, que possamos confiar as funções de responsabilidade no seu grande plano eterno.

Esse nivel de Fé,  podemos descrever como:  "A Fé que gera  autoridade"

.

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

OS IRMÃOS DE JESUS.

Os irmãos de Jesus mencionados na Bíblia eram filhos de José e Maria
Jesus não teve apenas irmãos, mas também irmãs (Marcos 6:3). 
Os nomes de Seus irmãos são conhecidos (Tiago, José, Judas e Simão [Mat. 13:55]), mas não os nomes das irmãs. 
Uma vez que a palavra “irmão” é algumas vezes usada nas Escrituras para designar uma pessoa não necessariamente nascida do mesmo pai e mãe, surgem perguntas sobre os “irmãos” e “irmãs” de Jesus.
Filhos de José e Maria. – Considerando  este ensino do Novo Testamento. Jesus é chamado o primogênito de Maria (Luc. 2:7). 
Se foi o primogênito é porque teve mais irmãos, porque senão seria apenas o  unigênito de Maria. ( todavia Jesus é o UNIGÊNITO de DEUS.)
 E sabemos  que José conheceu Maria, isto é, teve relação sexual com ela, após o nascimento de Jesus (Mat. 1:25). Portanto,  a expressão “irmãos de Jesus” se refere aos filhos de José e Maria. 
Além disso, não existe uma menção clara nos Evangelhos de que José era viúvo antes de se casar com Maria, ou de que tivesse filhos de um casamento anterior.
Conclusão: 
O que sabemos é que Jesus era primogênito; Jesus conviveu com José e Maria; Jesus era, biologicamente, filho apenas de Maria. 
Mesmo assim, Jesus foi chamado de filho de José e de Maria; Jesus teve irmãos e irmãs; os irmãos de Jesus conviveram com Maria.